sexta-feira, 23 de fevereiro de 2007

Turkish Airlines quer continuar a crescer em Portugal

As operações da Turkish Airlines para Portugal em 2007 registaram um saldo positivo, disse ao Turisver.com José Vassalo, representante da companhia em Portugal. Para este ano é previsível um novo crescimento. Objectivo é a manutenção, durante o próximo Inverno, da terceira frequência semanal que vigora durante o Verão.

Segundo José Vassalo, a companhia tinha previsto subir 10 a 15 por cento no mercado português em 2006, tendo havido “um aumento de 51% em termos de BSP, e um crescimento da ordem dos 35% nas vendas directas”.

Estes resultados levaram José Vassalo a afirmar ao turisver.com que “o ano de 2006 foi bom”, tendo principalmente em conta que “não se trata de uma operação marcada por forte sazonalidade”, uma vez que “a Turquia é muito procurada na época de Verão, havendo uma quebra acentuada no Inverno”.

José Vassalo lamentou o facto de a Turkish estar a ter “grandes problemas com o tráfego que tem origem na Turquia”. E adianta: “não se trata de um problema de falta de procura, porque ela existe e é grande, o mercado turco tem mostrado uma grande apetência para vir a Portugal”, mas “infelizmente, tem havido alguma resistência por parte da Embaixada de Portugal na Turquia em termos da concessão de vistos”, o que “tem atrasado bastante o desenvolvimento do tráfego”.
A companhia vai voltar, durante o Verão, a operar três voos semanais para Portugal, sendo que José Vassalo acredita que poderão “manter-se depois no Inverno”. O volume de tráfego está a crescer, não apenas entre Portugal e Turquia mas para outros destinos, e o objectivo é que “a Turkish seja conhecida no mercado não apenas como a companhia que voa para a Turquia, mas como uma companhia que permite ligações com muitos outros destinos, nomeadamente do Oriente, tendo Istambul como placa giratória”.

Fonte: turisver.com


quarta-feira, 21 de fevereiro de 2007

Turkish Airlines liderou crescimento nas companhias de bandeira europeias

Com um crescimento de 20,8 % no número de passageiros em 2006, para 16,5 milhões, a Turkish Airlines foi a companhia europeia de bandeira que mais cresceu em 2006.

A Turiskish cresceu também no número de voos, mais 25,5 %, seguida pela Swiss, com 22,2 %. A romena Tarum fecha o pódio, com 20,6 % de crescimento no número de rotas. Onde a Turkish este abaixo da média europeia foi na taxa de ocupação, com cerca de 70 %, face a uma média europeia de 76,5 %.

No seu conjunto, as companhias europeias de bandeira cresceram 4,5 % de 2005 para 2006, com 343,6 milhões de passageiros. A Lufthansa permanece como a maior companhia europeia, com 51,1 milhões de passageiros, seguida da Air France e da British Airways.

Fonte: turisver.com